Ajude nos com sua doação

Translate

Bolsonaros versus Preta Gil: Preconceito ou um comentário infeliz ?

Preta Gil, Jair Bolsonaro e Fábio Bolsonaro: Polêmica do CQC.

 Morango Ácido comenta: Deparei me com esta notícia estampando muitos jornais e rolando pela internet. E no twitter já tem o TT #JairBolsonaro, criando um fórum de debate acerca das opiniões dadas pelo político Jair Bolsonaro no CQC e a rebatida que ele deu na cantora Preta Gil. Mais tarde seu filho faz um comentário não muito feliz no twitter causando mais desconforto.

Ninguém obriga ninguém a gostar de algo, ou de algum movimento, ou apoiar alguma coisa. Mas como figuras públicas estas três pessoas deveria conter alguns comentários para não gerar mais polêmica.

Mas a questão que ficou evidenciada é os senhores Bolsonaros apenas quiseram expressar uma opinião sincera ou demonstraram preconceito ? Eu, como Marcelo Tas, acredito que o deputado não entendeu a pergunta.

================

Preta Gil discutindo valores é algo humorístico, diz filho de deputado


Os filhos do deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) foram ao Twitter na manhã desta terça-feira para defender os comentários feitos por ele no "CQC", da Band.
No programa, Bolsonaro respondia a uma série de perguntas sobre ditadura e preconceito contra gays e negros. Quando questionado pela cantora Preta Gil sobre como ele agiria caso seu filho se apaixonasse por uma negra, o deputado disse não se preocupar com isso.
"Preta, não vou discutir promiscuidade com quem quer que seja. Eu não corro esse risco porque meus filhos foram muito bem educados e não viveram em ambiente como lamentavelmente é o teu", respondeu o deputado na TV.
Após o programa, Preta Gil disse via Twitter que pretende processar Bolsanaro.
"Em função das várias mensagens enviadas à família Bolsonaro baseadas num mal entendido, cabe aqui o esclarecimento. O deputado Bolsonaro entendeu errado a pergunta "se seu filho namorasse uma negra", o próprio [apresentador do 'CQC'] Marcelo Tas comenta depois supondo isso. Bolsonaro não é racista nem homofóbico, é apenas contrário às cotas raciais e à apologia ao homossexualismo", escreveu o deputado estadual Flavio Bolsonaro no Twitter.
"Preta Gil discutindo valores é algo humorístico! Nunca fomos racistas e sim contra cotas. Um abraço pai! Aprendemos que somos todos iguais. Querem criar o factóide do racismo por que é mais fácil agir assim! Obrigado pela coerência Marcelo Tas. Meu pai nos ensinou a respeitar a todos independente da cor. Os ditadores do homossexualismo e das cotas tentam mais uma vez criar um factóide!", diz a mensagem publicada pelo vereador Carlos Bolsonaro no microblog.

LUCIANO HUCK

Algumas celebridades se manifestaram sobre o caso no microblog.
O apresentador da Globo Luciano Huck escreveu o seguinte recado para Preta: "Feliz um país que tem alguém como você como cidadã. Lamento por aqueles que votaram neste infeliz que esta onde não deveria estar."
O estilista CarlosTufvesson também postou uma mensagem de solidariedade a Preta. "Nós cidadãos de bem não podemos aceitar qualquer forma de preconceito seja o racismo, a homofobia. Tolerância ZERO para o preconceito!"


 §§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§

Preta Gil discutindo valores é algo humorístico, diz filho de deputado

No "CQC" desta segunda-feira, o deputado Jair Bolsonaro (PP) disse que um filho seu nunca namoraria uma mulher negra porque isso seria promiscuidade. Ele respondia a uma pergunta feita por Preta Gil, que em seu perfil no Twitter afirmou estar estudando processar o político.
No programa, Bolsonaro respondia a uma série de perguntas sobre ditadura e preconceito contra gays e negros. Quando questionado pela cantora sobre como ele agiria caso seu filho se apaixonasse por uma negra, o deputado disse não se preocupar com isso.
"Preta, não vou discutir promiscuidade com quem quer que seja. Eu não corro esse risco porque meus filhos foram muito bem educados e não viveram em ambiente como lamentavelmente é o teu", respondeu o deputado.
Pouco depois da exibição do programa, Preta Gil usou seu Twitter para falar sobre o assunto. Ela disse ainda ter enviado o vídeo ao seu advogado.
"Advogado acionado, sou uma mulher Negra, forte e irei até o fim", escreveu no microblog.

Fonte: Folha de São Paulo e Twitter.

Categories: , Share

Leave a Reply