Ajude nos com sua doação

Translate

Pepsico é acusado de racismo por propaganda de salgadinho Ruflles


Agora realmente passou da conta.

Todos nós sabemos que o mercado da publicidade e do entretenimento é fechado. Porém a Ruffles fez um campanha e colocou um modelo negro. O que abre visibilidade para que artistas negros entrem no mercado.

Afinal, realmente, há pouco espaço para negros no mercado publicitário e do entretenimento.

Porém começou um ataque a marca, justamente porque o modelo esta representando o salgadinho sabor feijoada. 

Mas sinceramente, eu não consigo ver o racismo nesta propaganda.

O modelo não esta num patamar que denigra a imagem dele, nenhuma conotação de preconceito foi dada a propaganda. Agora, onde esta o racismo que eu não consigo entender.

Diante das várias denuncias de racismo da tal propaganda. A Conar emitiu uma nota. “Está na hora de deixarmos os exageros de lado e praticarmos o bom senso na avaliação do comportamento que envolver preconceito”

A Pepsico também veio a público comentar a situação. “A PepsiCo é uma empresa global de alimentos e bebidas que apoia a diversidade e a inclusão. A embalagem de Ruffles #Feijuuuca exibe a imagem do criador do sabor, um dos três finalistas do concurso ‘Faça-me um sabor Ruffles’, lançado em 2016, no Brasil”

Realmente a coisa esta fora de contexto todo esse mimimi. Pois a campanha do tal salgadinho não traz nenhum tipo de preconceito e discriminação. Pelo contrário, resolveu abrir o mercado pela que artistas negros possam entrar. E realmente todo esse furdúncio só prejudica a classe de artistas negros que querem trabalhar.

Recentemente a Globo também entrou na polêmica, já que a vinheta da Globeleza não trouxe mais a mulher negra nua. Mas trouxe todos vestidos e várias referencias regionais, para mostrar a cultura brasileira.

Retirando aquela imagem de sexualização da mulher negra. O que foi um avanço imenso. E realmente a vinheta ficou linda Veja clicando aqui.

Menos mimimi por coisas sem sentido por favor.

Categories: Share

Leave a Reply